Lagar Experimental

O Lagar Experimental da Universidade de Évora é constituído por três zonas distintas: 1)  área de recepção e limpeza de matéria-prima; 2) área de extracção e 3) área de armazenamento do azeite. A extracção do azeite é feita através de um equipamento compacto que conjuga as operações de moenda, batedura e centrifugação horizontal de duas fases. Este equipamento tem capacidade para processar 80 kg de azeitona por hora e é usado no apoio a aulas práticas sobre a tecnologia do azeite, no apoio a projectos de investigação e é também usado na prestação de serviços a terceiros.

Responsável: Miguel Elias [elias@uevora.pt]

Projetos ligados ao lagar:

Projecto Refª ALT20-03-0145-FEDER-000014 “Valorização das variedades de oliveira portuguesas” – OLEAVALOR.

Aulas práticas das Unidade Curriculares “Lagares e Tecnologia do Azeite” (Mestrado em Olivicultura e Azeite) e “Tecnologia do Vinho e do Azeite” (Licenciaturas em Agronomia, Bioquímica e Biotecnologia).